Traficante de armas que abastecia favelas do RJ é preso

Um dos principais traficantes de armas das favelas cariocas foi preso no domingo, segundo a Polícia Civil do Rio de Janeiro. Antonio Jorge Gonçalves dos Santos, conhecido como Tony, estava dentro de um Shopping na cidade de Campo Grande, em Mato Grosso do Sul.

Agência Estado |

A polícia chegou até o criminoso, que morava na cidade de Caldas Novas com a família, após prender, na favela do Beltrão, em Niterói, Tatiana Azevedo Maciel e Paulo Roberto Aquino Junior. Eles eram os responsáveis pelo dinheiro das vendas das armas.

Segundo a Polícia Civil, Tony estava sendo investigado há cerca de dois anos. Para despistar a polícia, o traficante enviava fuzis, metralhadoras, granadas e pistolas dentro de caminhões com cargas variadas. O criminoso negociava armas do exército boliviano e trazia para o Brasil, tendo como destino final favelas do Rio de Janeiro, principalmente o Complexo do Alemão. Só no mês de junho, Tony trouxe para o estado 39 fuzis. Uma metralhadora chegava a custar cerca de 30 mil reais.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG