O trabalhador rural Sidnei dos Santos, de 40 anos, morreu carbonizado, no início da madrugada de hoje, no canavial da Fazenda São Pedro, em Pontal, na região de Ribeirão Preto. Santos estava a serviço da Usina Bela Vista e era um dos que fazia a queima da palha da cana-de-açúcar durante a noite.

A queima ocorre para facilitar as ações dos cortadores de cana durante o dia. Um colega de serviço sentiu a falta de Santos e o procurou. Ele encontrou o corpo pouco depois, já carbonizado. O corpo de Santos foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML), de Ribeirão Preto. A perícia da Polícia Civil também esteve no canavial. Ninguém da usina foi encontrado para falar sobre o incidente.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.