Torre de Tolkien será aberta ao público na Grã-Bretanha

LONDRES, 1 ABR (ANSA) - A torre que inspirou JRR Tolkien no momento em que escrevia O Senhor dos Anéis - As Duas Torres, segundo volume da sua famosa trilogia, será aberta ao público em Edgbaston, próximo a Birmingham.

Agência Ansa |

Por 20 anos, a torre de 250 anos chamada de Perrott's Folly, com cerca de 30 metros de altura, estava fechada, mas em maio ela irá abrir por duas semanas para abrigar uma mostra de arte.

No livro, as duas torres servem de morada para o mago Saruman, em Orthanc, e para o Lorde das Trevas Sauron, em Barad-dûr. As ilustrações de Orthanc feitas por Tolkien são baseadas nas janelas de Perrott's Folly; o segundo monumento que influenciou os desenhos do escritor parece ter sido a torre de água de Edgbaston. Tolkien vivia perto de ambos lugares.

Em 17 de maio, Perrott's Folly, que ainda está passando por uma restauração, será aberta ao público em ocasião do fim de semana de celebrações tolkianas. No interior da torre, os visitantes encontrarão uma mostra de esculturas do artista alemão Jurgen Partenheimer.

O edifício foi erguido por John Perrott, um proprietário local de terras, em 1758, provavelmente como um alojamento de caça para hospedar os amigos ricos.

No final dos 1800, a torre de tornou um observatório metereológico, e foi adquirida pela Universidade de Birmingham, que desativou essa função em 1979. (ANSA)

    Leia tudo sobre: j.r.r. tolkien

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG