Tiroteio em favela em Copacabana deixa quatro mortos

RIO DE JANEIRO - Uma operação do 19º Batalhão de Polícia Militar para reprimir o tráfico de drogas na Ladeira dos Tabajaras, em Copacabana, na zona sul do Rio, deixou quatro supostos traficantes mortos e um ferido, em confrontos na parte alta da favela, na manhã desta quarta-feira.

Redação com Agência Estado |

A ação teve início por volta das 10h e continua. Até o momento foram apreendidos dois fuzis, 13 pistolas, uma granada e "farta munição". Um homem foi preso, segundo a polícia. O tiroteio foi ouvido em pelo menos três bairros do Rio (Copacabana, Botafogo e Humaitá).

A favela foi palco de confrontos também na semana passada. Tiroteios na região deixaram cinco suspeitos mortos e cinco feridos, além de assustarem moradores das imediações.

Conflitos

Os confrontos tiveram início no sábado, dia 21 do mês passado, quando traficantes da favela da Rocinha teriam invadido a Ladeira dos Tabajaras para tentar tomar o controle dos pontos de vendas de drogas na comunidade. Por causa da invasão, diversas trocas de tiros aconteceram na região durante aquele fim de semana.

Na segunda-feira, dia 23 de março, a Polícia Militar realizou uma operação na Ladeira dos Tabajaras, ação que resultou na morte de, ao menos, cinco suspeitos e na prisão de 12 pessoas.

Devido a esta operação, uma escola que atende 124 crianças havia sido fechada por causa da troca de tiros. 

Leia mais sobre: Ladeira dos Tabajaras

    Leia tudo sobre: rio de janeiro

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG