Tiroteio causa pânico em pacientes atendidos com dengue no Rio

RIO DE JANEIRO - Um intenso tiroteio entre policiais do Batalhão de Operações Especiais (Bope) e traficantes no morro da Chatuba levou pânico aos pacientes que estavam sendo atendidos na tenda de hidratação montada pelo governo do Estado, ao lado do Hospital Getúlio Vargas, na Penha, zona norte do Rio de Janeiro nesta quarta-feira. Um homem chegou a sair correndo com uma criança de dez meses no colo, temendo ser alvejado.

Agência Estado |

    Leia tudo sobre: dengue

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG