rebatizada de gripe A H1N1 pela OMS) no Hospital Universitário Clementino Fraga Filho, na Ilha do Fundão, zona norte do Rio." / gripe suína no Rio tem alta hospitalar - Brasil - iG" / rebatizada de gripe A H1N1 pela OMS) no Hospital Universitário Clementino Fraga Filho, na Ilha do Fundão, zona norte do Rio." /

Terceira paciente internada com gripe suína no Rio tem alta hospitalar

RIO DE JANEIRO - Teve alta hospitalar a terceira paciente que estava internada no Rio de Janeiro com gripe suína (http://ultimosegundo.ig.com.br/mundo/2009/04/30/oms+decide+mudar+nome+da+gripe+suina+5867916.html target=_toprebatizada de gripe A H1N1 pela OMS) no Hospital Universitário Clementino Fraga Filho, na Ilha do Fundão, zona norte do Rio.

Redação |

De acordo com boletim médico divulgado nesta segunda-feira, a mulher de 52 anos cumpriu o período de isolamento para não correr mais o risco de transmitir o vírus para outras pessoas.

A paciente é a mãe do estudante de 29 anos, que também já recebeu alta do mesmo hospital na tarde da última sexta-feira (15). Ele havia contraído a doença de um amigo, que foi o primeiro caso confirmado de gripe suína no Rio. O rapaz, de 21 anos, foi contaminado durante viagem ao México e internado no dia 5 no Hospital do Fundão, recebendo alta no dia 13.

Segundo o Ministério da Saúde, esses três pacientes são os únicos do Rio de Janeiro que tiveram confirmada a infecção pelo vírus A (H1N1), que causa a "gripe suína". Outros seis casos no Estado são considerados suspeitos.

Mapeamento genético

As primeiras sequências genéticas do vírus mapeadas no Brasil acabam de ser depositadas por pesquisadores do Instituto Oswaldo Cruz (IOC/Fiocruz). O depósito foi feito em 15 de maio, no banco de informações genéticas do National Center for Biotechnology Information (NCBI), baseado no National Institute of Health (NIH), dos Estados Unidos. O banco reúne sequências genéticas de quase todos os organismos conhecidos, incluindo o genoma humano. Saiba mais

Casos no País

Caiu de 22 para 20 o número de casos suspeitos de gripe suína no Brasil , de acordo com boletim divulgado pelo Ministério da Saúde neste domingo. Amostras de secreções respiratórias destes pacientes estão em análise em laboratórios.

O número de casos monitorados subiu para 19 e já foram descartados 270 casos.

Ainda segundo o último boletim, foram confirmados oito casos da doença, nos Estados do Rio de Janeiro (3), São Paulo (2), Minas Gerais (1), Rio Grande do Sul (1) e Santa Catarina (1).

Casos no mundo

Segundo o último boletim da Organização Mundial de Saúde, divulgado no domingo, a "gripe suína" já contaminou 8.480 pessoas em 39 países.

Desde o mês passado, a OMS elevou para 5 o nível de alerta contra pandemias, que pode subir para 6 (situação de pandemia) caso exista contágio regular dentro de comunidades fora da América do Norte.

Cerca de 20 empresas do mundo todo, inclusive os laboratórios Sanofi-Aventis, Novartis e Baxter International, atualmente produzem vacinas contra a "gripe".

Leia também:



Entenda a "gripe suína"


Leia mais sobre: gripe suína

    Leia tudo sobre: gripe suína

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG