Tenda é transferida para Belford Roxo, após aumento dos casos de dengue

BRASÍLIA - O governo do Rio de Janeiro decidiu desativar na noite desta sexta-feira a tenda de hidratação instalada no Retiro dos Artistas, em Jacarepaguá, zona oeste. A tenda será transferida para uma Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) 24 horas no município de Belford Roxo, na Baixada Fluminense, devido ao aumento de casos da doença na região.

Agência Brasil |


O novo centro de hidratação começa a funcionar neste sábado. Para lá, serão levados pacientes com dengue atendidos no hospital da Posse, em Nova Iguaçu e, do hospital infantil de Belford Roxo.

Nesta quinta-feira à noite chegaram ao Rio nove médicos mineiros para trabalhar nas tendas de hidratação de pacientes com dengue. Eles chegaram acompanhados pelo subsecretário de Vigilância em Saúde da Secretaria estadual de Saúde, Luiz Felipe Caram.

A previsão é de que 18 médicos de Minas trabalhem no Rio em regime de plantão durante um mês. Os profissionais selecionados têm experiência em infectologia.

Até a noite de ontem, a Procuradoria Geral do Município do Rio ainda não tinha sido oficialmente notificada da decisão da juíza Regina Coeli de Medeiros, da 18ª Vara Federal do Rio, de multar em R$ 10 mil o secretário municipal de Saúde, Jacob Kligerman, por não ter aberto os postos da prefeitura por 24 horas.

Segundo informou a assessoria da Justiça Federal, o valor vai ser descontado direto do contra-cheque do secretário e revertido para o Fundo de Combate à Fome e às Desigualdades Sociais.

No primeiro fim de semana da validade da decisão da Justiça, apenas sete dos 145 postos de saúde da prefeitura do Rio ficaram abertos 24 horas.

No município do Rio, 54 pessoas já morreram de dengue este ano. Em todo o Estado, o número de mortos chega a 89, com 55.453 infectados.

Leia também:

Leia mais sobre: dengue

    Leia tudo sobre: dengue

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG