Temporão: há muita especulação em torno da gripe suína

O ministro da Saúde, José Gomes Temporão, afirmou hoje que há muita especulação e poucas certezas em torno da Influenza A (H1N1), a chamada gripe suína. A doença é nova.

Agência Estado |

É cedo para que se possa fazer previsões refinadas sobre o que pode ocorrer", disse ele, durante audiência pública realizada no Senado. De acordo com boletim divulgado no fim da manhã de hoje, há 32 casos suspeitos da enfermidade no País e 29 estão em monitoramento. O número de casos confirmados não se alterou: oito pacientes.

As declarações de Temporão foram dadas um dia depois de o presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmar que a gripe suína era grave, mas não do tamanho "que se vendeu". Para o ministro, é cedo para se fazer previsões. "O que se percebe hoje é que, ao contrário de algumas semanas atrás, a maioria das pessoas que entra em contato com o vírus apresenta um quadro relativamente leve. São poucas as pessoas que evoluíram para uma complicação com pneumonia ou um quadro mais grave", disse.

No entanto, Temporão ressaltou que não há nada que garanta que, dentro de dois ou três meses, o padrão ainda seja o mesmo. "Por isso é preciso prudência. Essa é a postura do governo", afirmou o ministro.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG