Baixa umidade deixa São Paulo em estado de atenção

A previsão é de semana de calor, com temperaturas ultrapassando os 30 graus e, também de baixa umidade

AE |

selo

Por causa do tempo ensolarado e seco, a Defesa Civil de São Paulo colocou toda a cidade em estado de atenção na tarde deste domingo por causa da baixa umidade do ar. Quase todas as estações do Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) mediram umidade abaixo de 30%.

O Mirante de Santana, estação automática do Inmet, registrou por volta das 15 horas umidade relativa do ar de apenas 20%. De acordo com a Organização Mundial de Saúde, níveis de umidade do ar abaixo de 12% caracterizam situação de emergência e, entre 12% e 20%, indicam situação de alerta. 

A Defesa Civil também alertou que as condições atmosféricas permanecem desfavoráveis para a dispersão de poluentes, o que prejudica a qualidade do ar na Grande São Paulo. As estações meteorológicas registraram nesta tarde temperaturas de 30,1º graus em Pirituba e Jaraguá, na zona noroeste, e de 27,5 graus em Parelheiros, na zona sul. 

A tendência para toda a semana é que a massa de ar seco e quente no centro do País, associada a um bloqueio atmosférico, continue impedindo o avanço e a formação de sistemas que tragam chuva ao Sudeste. A previsão é de uma semana de calor, com temperaturas ultrapassando os 30 graus e, também, de baixa umidade, que pode colocar a cidade em estado de atenção durante toda a semana. 

A recomendação da Defesa Civil é que a população evite atividades ao ar livre e exposição ao sol entre 10 horas e 17 horas e não pratique exercícios entre as 11 horas e 15 horas. É aconselhável também a ingestão de bastante líquido para não ter problemas de desidratação.

    Leia tudo sobre: climasecoumidade

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG