Temer se reúne com Lula para tratar do fator urgência do pré-sal

BRASÍLIA - O presidente da Câmara, Michel Temer (PMDB-SP), deverá se reunir ainda hoje com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva para expor a posição da Câmara em relação aos pedidos de urgência constitucional dos projetos de lei do marco regulatório do pré-sal. A oposição decidiu obstruir os trabalhos da Casa até que o presidente Lula retire a urgência dos projetos.

Valor Online |

O líder do PMDB, Henrique Eduardo Alves (RN), disse nesta tarde que gostaria que o presidente fizesse uma revisão a respeito do pedido de urgência e que desse um crédito à Câmara para que o parlamento promovesse mais debates sobre o marco regulatório. O líder disse ainda que, caso os debates mudem de foco, o presidente Lula poderia fazer um novo pedido de urgência constitucional para as propostas.

Segundo Alves, o presidente Lula chegou à reunião do Conselho Político, na segunda-feira pela manhã, com a disposição de não pedir urgência para as propostas. Entretanto, segundo ele, a base aliada convenceu o presidente a incluir esse pedido alegando que a medida daria mais rapidez às votações.

(Agência Brasil)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG