Teatro Municipal do Rio comemora hoje cem anos

SÃO PAULO - Hoje, pela primeira vez em nove meses, as obras no Teatro Municipal carioca serão paralisadas. Os restauradores continuarão em ação, mas o trabalho pesado será suspenso.

Agência Estado |

Justifica-se: é o aniversário de cem anos do palco mais nobre do Rio. O projeto inicial era deixá-lo prontinho para a data, mas, conforme se foi revelando a necessidade de mais reparos, a previsão para a finalização da reforma - orçada em R$ 55 milhões - foi movida para novembro. Na impossibilidade de se abrir o Municipal todo ao público, a Cinelândia, a praça em frente, centralizará as festividades.

Divulgação

Os bailarinos do Corpo de Baile do Municipal serão os primeiros a ocupar o palco montado na Cinelândia. A partir das 14h, eles apresentarão trechos de vários balés consagrados. Os principais bailarinos da companhia estarão em cena. 

Dentro do concerto especial que acontece às 20h, haverá mais dois números de dança. Ana Botafogo e Francisco Timbó vão dançar um trecho de "Floresta Amazônica", com coreografia de Dalal Achcar. Depois, será a vez de "Grand Finale", também coreografada por Dalal Achcar, reunindo Ana Botafogo, Cláudia Mota, Márcia Jaqueline, Francisco Timbó, Filipe Moreira, Cícero Gomes e o Corpo de Baile.

Além desses dois números de dança, o concerto terá a Orquestra do Teatro Municipal, regida por Roberto Minczuk e com participação do Coro do Teatro e dos cantores líricos Marcelo Álvarez e Sumi Jo. O programa terá desde o Hino Nacional Brasileiro até obras de Jules Massenet, Carlos Gomes, Georges Bizet, Maurice Ravel e Hector Berlioz.

Divulgação
Selo comemorativo dos
100 anos do Municipal
Somente uma parte do prédio estará liberada à visitação, das 10h às 14 horas. Nela, foi montada uma exposição de mil fotografias, além de documentos, programas e croquis, que apresentarão alguns dos momentos memoráveis já vividos entre suas paredes de mármore.

O ponto de partida é o restaurante Assírio. Pelo percurso, as obras terão iluminação cênica. Os visitantes passarão pelo backstage, mas não poderão entrar na sala de espetáculos, que está cheia de andaimes. A exposição termina nas galerias.

O Theatro Municipal do Rio foi inaugurado pelo presidente Nilo Peçanha em 1909. Já em 1894, Arthur Azevedo dera início a uma campanha por sua criação.

A capital federal, que passava por uma ampla reforma urbanística, tendo Paris como modelo, não tinha um teatro à sua altura. Azevedo conseguiu a aprovação de uma lei que determinou sua construção - iniciada somente em 1905.

    Leia tudo sobre: teatrotheatro municipal

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG