BRASÍLIA - O Tribunal de Contas da União (TCU) aprovou hoje, por unanimidade, as contas do governo federal no ano de 2007. O relatório do ministro Benjamin Zymler, no entanto, faz 22 ressalvas e 15 recomendações. Foram objeto de análise aspectos como a economia brasileira, a programação orçamentária e a execução das receitas e despesas da União.

Dentre as ressalvas, está a ausência de classificação e contabilização dos recursos arrecadados em tributos referentes ao crédito do parcelamento no valor de R$ 411,4 milhões.

O relatório do TCU será encaminhado ao Congresso Nacional, que julgará a prestação de contas.

(Agência Brasil)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.