Publicidade
Publicidade - Super banner
Brasil
enhanced by Google
 

TAM e Gol suspendem vendas de passagens para o Santos Dumont, no Rio

As empresas aereas Gol e TAM suspenderam a venda de passagens para o aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro. Segundo as companhias, com a forte chuva na capital fluminense, muitos voos que deveriam ter saído na noite de segunda-feira foram remanejados e as vendas foram suspensas até que todos embarquem.

Daniel Torres, iG São Paulo |

  • Acompanhe o trânsito no Rio de Janeiro e em São Paulo
  • Santos Dumont reabre; veja serviços prejudicados pela chuva
  • Veja galeria de fotos da chuva no Rio de Janeiro 
  • Você tem informações sobre a chuva? Envie ao Minha Notícia  
  • Chuvas deixam ao menos 32 mortos no Rio

     

    AE
    Passageiros aguardam em fila do check-in em Congonhas

    Passageiros aguardam em fila do check-in em Congonhas

    A TAM informou à reportagem do iG que venderá passagens apenas para voos com saída após as 16h. A Gol disse que não há previsão para que novos bilhetes para o Rio de Janeiro sejam emitidos.

    Fila em Congonhas

    O designer André dos Santos, de 30 anos, tentou embarcar ontem à noite de São Paulo para o Rio, mas não conseguiu. "Remarquei a viagem para hoje pela manhã, mas ela foi adiada e ainda estou aqui tentando viajar."

    A empresária Marli Strauss, de 47 anos, tinha uma reunião no Rio às 10h. "Cheguei aqui por volta das 6 horas e agora estou indo embora. Cancelei minha passagem."

    O analista de Sistema Júlio Almeida, de 35 anos, chegou a embarcar e ficar por um tempo dentro do avião aguardando a decolagem, que não aconteceu. "Meu vôo era às 6h45. Remarquei o voo para 12h30 e espero que ele não atrase muito."

    Voos cancelados

    Segundo informações da Infraero, até as 12h desta terça-feira, 35,9% dos voos previstos para hoje em Congonhas partiram com atraso e 15,2% foram cancelados. No Santos Dumont, 55,6% dos voos foram cancelados. 

    Desde segunda-feira, os aeroportos de Congonhas e Santos Dumont operam de forma instável por causa da chuva. Nesta terça-feira, o Santos Dumont começou a operar apenas por volta das 9h10. Em São Paulo, Congonhas ficou fechado por 30 minutos para vistoria da pista.

    Leia também:

  • Em uma noite, chove no Rio o equivalente a quase um mês
  • Chuva cancela parte da agenda de Lula no Rio de Janeiro
  • Previsão do tempo é de chuva no Rio de Janeiro até quarta-feira
  • Marinha e Aeronáutica estão à disposição do Rio, afirma Lula

     

    Leia mais sobre: chuva

  •  

    Leia tudo sobre: chuvas

    Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG