TAM confirma apenas viagem de maio da mãe de Ciro

Em nova nota enviada ao Congresso em Foco, a TAM admite que usou dois créditos da Câmara para cobrir uma passagem, de ida e volta, da mãe de Ciro Gomes aos Estados Unidos. A companhia aérea confirma apenas os voos feitos por Maria José Gomes em 18 de maio de 2008 (São Paulo-Nova York) e 25 de maio de 2008 (Nova York-São Paulo) e assume a responsabilidade por ter debitado aos cofres públicos o valor de R$ 12,6 mil da passagem da mãe do deputado.

Congresso em Foco |

Para compor o valor total dessa viagem, foram utilizados ¿ por erro da loja da TAM em Fortaleza ¿ saldos de dois créditos (denominados internamente de MCO) gerados com recursos da cota parlamentar do deputado Ciro Gomes: MCOs nº 957-2705-564544 e nº 957-2705-876563, sustenta o texto encaminhado ao site, na última sexta-feira (22), pela assessoria de comunicação da TAM.

Segundo a empresa, não houve passagem internacional emitida pela TAM em nome de Maria José Gomes em dezembro de 2007. A data de 19.12.2007 publicada pelo site Congresso em Foco é a data da emissão da MCO nº 957-2705-564544, usada para pagar parcialmente um único voo SP-NY-SP realizado pela mãe do deputado em maio de 2008, conforme detalhado acima, afirma a companhia, ao responder a questionamento feito há uma semana por este site

No último dia 19, a TAM divulgou nota à imprensa em que afirmou ter errado na cobrança das passagens de Ciro Gomes e Maria José Gomes. Segundo a empresa, mãe e filho viajaram para os Estados Unidos no mesmo avião. A loja da TAM em Fortaleza (CE), de acordo com a companhia, trocou os documentos de crédito dos passageiros, emitindo as passagens de Ciro Gomes com créditos particulares da família e os bilhetes de Maria José Gomes com documentos de crédito oriundos da cota parlamentar. 

Leia a reportagem completa no Congresso em Foco

Leia também:

    Leia tudo sobre: congresso em foco

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG