RIO DE JANEIRO - Dois homens suspeitos de terem ligações com o tráfico de drogas foram mortos, nesta sexta-feira, durante uma troca de tiros com soldados do 3º BPM (Méier), e do Batalhão de Operações Especiais (Bope), que realizam operação na Favela do Jacarezinho, no subúrbio do Rio.

Um veículo blindado participa da incursão e a polícia cercou todas as entradas do Jacarezinho. Bandidos soltaram muitos fogos de artifício para alertar a presença dos policiais.

Viatura foi atacada, diz PM

Segundo a PM, na noite desta quinta-feira, uma viatura, que fazia rondas de rotina, foi atacada a tiros por traficantes da comunidade. Os policiais revidaram e houve intenso tiroteio, que obrigou a Supervia, administradora de trens urbanos do Rio, a suspender a circulação de trens no ramal de Belford Roxo, que corta a favela, por cerca de 10 minutos. Uma barraca de flores do bairro da Penha, um dos acessos ao morro, ficou com várias marcas de tiros. Ninguém ficou ferido.

Especula-se que a ação desta sexta-feira tem o objetivo de capturar os bandidos que atacaram os policiais.

Leia mais sobre: violência

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.