Suspeitos de atirarem em fotógrafo morrem no RJ

Dois corpos carbonizados foram encontrados no fim da madrugada de hoje na Rua Iguapé, zona oeste do Rio. Policiais militares do 16.º Batalhão da PM foram avisados de que havia um carro incendiado naquele local. Ao checarem a informação, encontraram os corpos no veículo. Moradores disseram à polícia que os mortos eram os suspeitos de atirarem no fotógrafo do jornal O Dia, André Azevedo, o André AZ, assassinado numa tentativa de assalto na quarta-feira passada, quando passava pela Avenida Brasil.

Agência Estado |

Para a polícia, os homens foram mortos a mando do tráfico local, por terem atraído atenção da Polícia Militar e da Guarda Municipal para a região - houve operações nos últimos dias para tentar localizar os assassinos do fotógrafo e ações de combate a camelôs, pela guarda. De acordo com as investigações, André foi vítima de uma quadrilha de assaltantes que atua na região.

Os dois homens teriam saído da Cidade Alta, numa motocicleta, com direção ao morro da Mangueira, na zona norte, quando decidiram assaltar o fotógrafo, que também seguia numa moto. Azevedo, que voltava da sucursal da Baixada Fluminense em direção ao centro, foi atingido por dois tiros, perdeu a direção da moto e acabou na pista em sentido contrário. Foi atropelado e morreu no local.

    Leia tudo sobre: rio

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG