Segundo a PM, idoso teria pedido atendimento imediato em posto de saúde

selo

Um aposentado de 81 anos ficou revoltado por ter de esperar atendimento em um posto de saúde de Belo Horizonte (MG) e deu dois tiros no vigilante da unidade. O suspeito fugiu após o crime, ocorrido na manhã de hoje no bairro São José, na região noroeste da capital mineira.

Segundo a Polícia Militar, o aposentado Paulo Juscelino Vidal havia sido atendido no posto em outras ocasiões. A espera por atendimento na unidade já tinha levado o idoso a discutir e ameaçar funcionários, que chegaram a registrar ocorrência contra o suspeito. Há cerca de 15 dias, ele foi submetido a uma cirurgia e, por volta das 6h30 desta terça-feira, voltou à unidade para uma consulta. Mas ele queria ser atendido imediatamente e, ao ser orientado pelo vigia Elias Gonçalves da Silva a esperar, ficou revoltado e deu dois tiros no funcionário.

A vítima, de 48 anos, foi atingida no tórax e levada para o Hospital de Pronto-Socorro João XXIII (HPS), onde continua internada, mas fora de risco. Policiais foram até a casa de Vidal, onde encontraram um revólver calibre 38. A arma foi para perícia para verificar se foi a usada no crime. O caso foi encaminhado para a Polícia Civil e o suspeito ainda está sendo procurado.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.