Suspeito repete crime e volta para a cadeia em Guarujá

Bruno Lima dos Santos, de 28 anos, o Bruno Pescoço, ficou atrás das grades seis anos por roubo - e não se esqueceu de suas vítimas. Após cumprir a pena, em março de 2009, ele aproveitou os três primeiros meses em liberdade para pôr em prática seu plano: assaltar a mesma casa invadida por ele em 2003 na Praia de Pernambuco, Guarujá.

Agência Estado |

Os donos da residência também se lembraram do suspeito. Ele foi reconhecido e preso outra vez.

Santos é apontado como um dos líderes do Primeiro Comando da Capital (PCC) na Baixada Santista. Segundo o delegado titular do Guarujá, Cláudio Rossi, em 8 junho do ano passado, Santos e os parceiros Wilson José Barbosa de Souza, de 26 anos, Ozivaldo Farias de Oliveira, de 22 anos, e Josinaldo Machado de Souza, de 35 anos, invadiram uma casa no Guarujá.

O imóvel foi o mesmo invadido por Santos seis anos atrás. Na época, no entanto, ele agiu com outros comparsas. O segundo roubo ocorreu do mesmo modo. Os criminosos apavoraram as vítimas. Exigiam dinheiro, joias e ameaçavam matar os reféns. O empresário - dono da casa - e sua família ficaram horas sob a mira de pistolas e revólveres.

A quadrilha revirou armários e gavetas. Recolheu joias, dinheiro, produtos eletroeletrônicos e outros objetos de valor. Os criminosos fugiram acreditando no sucesso da ação. No entanto, Santos e seus três parceiros foram reconhecidos - e não ficaram muito tempo nas ruas. Foram presos dias depois do roubo. Considerado o líder do grupo, Santos conseguiu escapar ao cerco policial, mas acabou preso na manhã de anteontem, no bairro Maré Mansa.

Segundo o delegado Cláudio Rossi, a quadrilha de Bruno Pescoço costumava assaltar casas de luxo no Guarujá. "Investigamos a participação dele em outros assaltos na região. Ele é suspeito em outros casos." Bruno Pescoço foi indiciado por roubo e formação de quadrilha. Se for condenado, poderá ficar mais 12 anos na cadeia. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG