Liga da Justiça é preso no Rio - Brasil - iG" /

Suspeito de integrar Liga da Justiça é preso no Rio

Guilherme de Bem Berardinelli, acusado de integrar o grupo miliciano conhecido como Liga da Justiça, foi preso ontem na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), do Ministério Público (MP) do Estado. Ele também é suspeito de tentar formar monopólio de venda de gás na zona oeste da capital fluminense, segundo o MP.

Agência Estado |

Paulo César Carvalho também foi denunciado pelos mesmos crimes de Berardinelli, porém, ele segue foragido. Durante a operação de ontem, foram apreendidos 775 botijões de gás e uma revenda foi interditada.

De acordo com a denúncia, no início do ano de 2008, Berardinelli, Carvalho e outros comparsas obrigaram Robson Boier a se submeter ao monopólio de venda de gás por meio de ameaças, inclusive de morte. Boier se dedicava à revenda de gás avulso em um pequeno caminhão.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG