Suspeita de planejar morte do marido é presa no Rio Grande do Sul

Empresário foi morto no dia 17 de março deste ano, em sua residência, com 18 facadas

AE |

selo

A Polícia Civil do Rio Grande do Sul informou nesta sexta-feira que prendeu quatro suspeitos de envolvimento na morte de um empresário de transporte, de 56 anos, no município de Vacaria. As prisões ocorreram entre os dias 22 e 27 de setembro. Entre os presos está a mulher da vítima, de 35 anos. Ela é suspeita de ser a mandante do crime.

O empresário foi morto no dia 17 de março deste ano. Ele levou 18 facadas quando estava em sua residência. O crime foi cometido diante da mulher. Homens encapuzados invadiram a casa e assassinaram o empresário na cozinha do imóvel, segundo a polícia. 

A mulher ficou de mãos amarradas durante o assassinato. A polícia descartou crime de latrocínio e, após investigações, descobriu que a mulher da vítima teria planejado o crime junto do seu amante, de 20 anos. Ela pretendia ficar com os bens do empresário. 

Os quatro foram indiciados por homicídio duplamente qualificado (mediante pagamento ou promessa de recompensa e com recurso que tornou impossível a defesa da vítima). Todos foram levados para o Presídio Estadual de Vacaria.

    Leia tudo sobre: rio grande do sulmaridofacadas

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG