O Sistema Único de Saúde (SUS) vai incluir no calendário básico de vacinação duas novas vacinas para cerca de seis milhões de crianças menores de dois anos, segundo o Ministério da Saúde. As crianças poderão se imunizar contra doenças como meningite, pneumonia, sinusite e otite.

Estarão disponíveis na rede pública de saúde a pneumocócica 10-valente e a antimeningococo C.

A primeira será oferecida a partir de março em todo o território nacional e protege contra a bactéria pneumococo, causadora de meningite e pneumonias pneumocócicas, sinusite, inflamação no ouvido e bacteremia (presença de bactérias no sangue), entre outras doenças. A segunda será aplicada a partir de agosto e imuniza contra a doença meningocócica.

Nos primeiros 12 meses após a implementação, as novas vacinas serão aplicadas em crianças menores de dois anos. A partir de 2011, elas farão parte do calendário básico de vacinação da criança específico para os menores de um ano.

Depois de cinco anos do início dos novos programas de vacinação, em 2015, a previsão é sejam evitadas cerca de 45 mil internações por pneumonia por ano no Brasil. Com isso, a média dessas internações, por ano, cairá de 54.427 para 9.185, uma redução de 83%.

Calendário

Com a introdução das vacinas, o Calendário Básico de Vacinação do Programa Nacional de Imunização (PNI) do ministério passará a ter 13 tipos de vacinas para proteger contra 19 doenças. Além disso, a oferta total do PNI, considerando as imunizações especiais, passa a ser de 28 tipos de vacinas entre nacionais e importadas.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.