BRASÍLIA - Com a morte dos deputados Carlos Wilson (PT-PE) e João Herrmann Neto (PDT-SP), no último final de semana, a Secretaria Geral da Câmara dos Deputados deverá convocar, nesta terça-feira, os suplentes que ocuparão as vagas deixadas pelos dois. Nesta segunda-feira, a Câmara dos Deputados ficará em luto pela morte dos parlamentares.

Carlos Wilson morreu no sábado, aos 59 anos, depois de passar pouco mais de um mês internado para tratar um câncer no intestino. Ele foi enterrado neste domingo, no cemitério Morada da Paz, no Recife. O presidente Luiz Inácio Lula da Silva acompanhou o velório e lamentou que o amigo não esteja vivo em 2010 para participar de inaugurações de grandes coisas que ele ajudou a construir. A vaga de deputado federal deixada por Carlos Wilson será ocupada por Fernando Antônio do Nascimento (PT-PE).

O deputado João Hermann, 63 anos, foi encontrado morto na piscina de sua fazenda em Presidente Alves, neste domingo. Segundo laudo do Instituto Médico Legal, a causa da morte foi choque térmico e edema pulmonar agudo. O presidente Lula e o presidente da Câmara, Michel Temer (PMDB-SP) estiveram no velório dele na noite do domingo. O suplente Fernando Chiarelli (PDT-SP) deverá substituir Hermann.

Os dois suplentes terão 30 dias, prorrogáveis por mais 30 para tomar posse.

Leia mais sobre: Carlos Wilson e João Herrman

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.