Suíços aprovam proibição de minaretes, diz pesquisa

Os eleitores na Suíça votaram a favor da proibição da construção de minaretes no país em referendo realizado hoje, segundo projeções do instituto de pesquisas gfs.bern.

Agência Estado |

Minaretes são pequenas torres de mesquita de onde se anuncia aos muçulmanos a hora das orações. A expectativa é que a proposta seja aprovada por cerca de 59% dos votantes nos 26 cantões suíços.

A proposta partiu do Partido do Povo (SVP), de direita, que tem maioria no Parlamento e argumenta que as torres das mesquitas são um sinal de "islamização" da Suíça. Estima-se que os muçulmanos representem cerca de 6% da população suíça de 7,5 milhões de pessoas. Muitos deles são refugiados de guerra da antiga Iugoslávia. A Suíça tem mais de cem mesquitas e salas de oração muçulmanas, mas apenas quatro minaretes, que não serão afetados pela votação de hoje. As informações são da Associated Press.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG