O plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) rejeitou nesta tarde o pedido do ex-deputado Roberto Jefferson para que o tribunal incluísse o presidente Luiz Inácio Lula da Silva entre os réus da ação que apura o esquema do Mensalão. De acordo com os ministros, não cabe ao STF fazer essa determinação.

Para o tribunal, caberia ao procurador-geral da República, Roberto Gurgel, pedir a inclusão de Lula entre os acusados se houvesse elementos contra o chefe do Executivo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.