STF julgará censura contra jornal na próxima semana

O Supremo Tribunal Federal (STF) vai julgar no próximo dia 9 o pedido de liminar do jornal O Estado de S.Paulo para que seja derrubada a censura que impede há 123 dias a publicação de reportagem sobre a Operação Boi Barrica, que investigou o empresário Fernando Sarney, filho do presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP).

Agência Estado |

Na reclamação protocolada no STF, os advogados do jornal sustentam que a censura, imposta pelo Tribunal de Justiça do Distrito Federal, contraria a decisão na qual o STF revogou a Lei de Imprensa e reforçou o pleno direito à liberdade de informação.

Fernando Sarney protocolou uma petição no STF pedindo que a censura seja mantida. Ele pede a manutenção da decisão do desembargador do TJ, Dácio Vieira, que proibiu a publicação da reportagem. Ex-consultor jurídico do Senado, o desembargador Dácio Vieira é do convívio social da família Sarney e do ex-diretor-geral Agaciel Maia.

O anúncio da marcação da data do julgamento foi feito pelo STF por meio do Twitter. Hoje, o tribunal inaugurou sua página nessa rede social. De acordo com informações divulgadas pelo Supremo, a página tem, por enquanto, 172 seguidores.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG