STF deve decidir hoje sobre pedido de Protógenes

BRASÍLIA - O ministro do Supremo Tribunal Federal Carlos Alberto Menezes Direito deve decidir na manhã de hoje sobre um pedido do delegado Protógenes Queiroz para que seja adiado o seu depoimento marcado para esta quarta-feira, às 14h30, na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) dos Grampos, na Câmara. Ele entrou nesta terça-feira à noite com um mandado de segurança no STF.

Agência Estado |

Protógenes quer que o depoimento seja marcado a partir do dia 25 de agosto. Ele alega que está fazendo um curso na Academia de Formação da Polícia, que terminará apenas no dia 22, uma sexta-feira.

A decisão de recorrer ao STF foi tomada após a recusa do presidente da CPI, deputado Marcelo Itagiba (PMDB-RJ), em adiar o depoimento do delegado que comandou o inquérito da Operação Satiagraha. Protógenes foi afastado do caso pela cúpula da PF, no mês passado.

Oficialmente, sua saída se deu em razão de um curso de aperfeiçoamento na Academia Nacional de Polícia, em Brasília. Mas, nos bastidores, setores da própria PF e do governo avaliaram que ocorreram excessos na operação, que acabou provocando a prisão de 18 pessoas, entre elas o sócio-fundador do Grupo Opportunity, Daniel Dantas, o ex-prefeito de São Paulo Celso Pitta e o investidor Naji Nahas.

Leia mais sobre: Protógenes

    Leia tudo sobre: pf

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG