SÃO PAULO (Reuters) - O Supremo Tribunal Federal (STF) aprovou nesta quarta-feira o nome do ministro Ricardo Lewandowski como titular do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Lewandowski assumirá a vaga deixada pelo ministro Eros Grau, que renunciou ao seu posto no TSE na terça-feira, mas segue como ministro do STF.

A vaga de ministro substituto do TSE, ocupada por Lewandowski, será ocupada pelo ministro Marco Aurélio Mello.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.