STF analisa pedido de Dantas para se calar em CPI

BRASÍLIA - O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Joaquim Barbosa recebeu nesta terça-feira a incumbência de analisar o pedido do banqueiro Daniel Dantas para não ser obrigado a responder todas as perguntas feitas por deputados da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) das Escutas Telefônicas, em audiência marcada para esta quarta-feira (13).

Sarah Barros, Último Segundo/Santafé Idéias |

    O dono do Opportunity foi convocado para falar sobre suspeitas de grampos em espionagem supostamente executada pela empresa Kroll, durante negociações pela empresa de telefonia Brasil Telecom. Na ação, o banqueiro pede ainda autorização para que seu advogado o acompanhe durante depoimento da CPI.

    Segundo a defesa do banqueiro, Dantas é apontado como mentor e beneficiário de interceptações ilegais de dados. Com isso, suas respostas poderiam ferir o direito de Dantas não produzir provas contra si mesmo.

    Leia também:

    Leia mais sobre: Operação Satiagraha

      Leia tudo sobre: operação satiagraha

      Notícias Relacionadas


        Mais destaques

        Destaques da home iG