Polícia divulga imagens e vídeos do shopping Cidade Jardim que mostram ação de quadrilha

nullA Dise (Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes) de São Bernardo do Campo, na região metropolitana de São Paulo, prendeu na tarde desta quarta-feira oito pessoas suspeitas de envolvimento no assaltado realizado na última segunda-feira (7) a uma loja da Rolex no shopping Cidade Jardim, zona sul da capital.Testemunhas identificaram três suspeitos como participantes do crime.

O roubo aconteceu na última segunda-feira, por volta das 12h40. A ação na loja, segundo a polícia, durou cerca de cinco minutos. Foi o segundo roubo em menos de um mês ao shopping que é considerado um dos mais luxuosos do País. Em 16 de maio, 72 peças, avaliadas em R$ 1,5 milhão, foram roubadas Tiffany, joalheria que fica no mesmo andar. A polícia ainda investiga se há ligação entre os grupos que praticaram os dois assaltos, já que a abordagem, o horário, o dia da semana e a composição do grupo são diferentes.

Segundo informações do delegado José Antônio do Nascimento, do Departamento de Investigações sobre Crime Organizado (Deic) e responsável pela investigação, a ação contou com a ajuda de cerca de dez – quatro deles chegaram a invadir a loja.

Um relógio da Rolex vendido no local custa em média R$ 100 mil.

Ainda segundo a polícia, todos os criminosos são jovens e bem vestidos, usaram ternos e camisas e óculos escuros, e entraram no shopping como clientes.

Vídeo

Nesta quarta, a Polícia Civil também divulgou imagens e vídeos do assalto realizado à loja Corsage, distribuidora dos relógios da marca Rolex. O vídeo mostra dois homens entrando no shopping com óculos de sol e sacolas nas mãos. A funcionária que fica em um balcão de informações na entrada olha e parece estranhar o visual dos dois.

Um deles veste camiseta pólo cor de rosa e calça jeans e o outro usa terno escuro. Os dois entram no elevador e aguardam um terceiro homem, que aparece segundos depois. Eles agem naturalmente e um deles fala ao cleular.

Duas mulheres entram no elevador e chegam a conversar com os assaltantes.

Apesar de somente três pessoas aparecem nas gravações, pelo menos dez homens participaram do roubo à Rolex. Segundo o delegado José Antônio do Nascimento, Departamento de Investigações sobre o Crime Organizado (Deic), enquanto quatro entraram na loja, os demais renderam seguranças e deram cobertura a ação. Até o momento, ninguém foi preso.

O Deic de São Paulo considera que pelo menos um dos homens que participou do assalto à Tiffany , também no shopping Cidade Jardim, no dia 16 de maio, tenha participado do roubo à loja Corsage.

O delegado Adalberto Henrique Barbosa afirmou, inclusive, que a quadrilha pode ter assaltado a Tiffany por engano, quando o alvo do crime já seria a loja distribuidora dos relógios importados. Em depoimento, funcionários da joalheria relataram que os suspeitos pediam por relógios e mostravam desconhecer o valor das jóias, perguntando quais eram as mais caras.

Localizado no bairro do Morumbi, zona sul paulista, o Shopping Cidade Jardim foi inaugurado em maio de 2008 e é um dos mais luxuosos do Brasil. Ali, há grifes como Hermès, Chanel, Longchamp, Louis Vuitton e Giorgio Armani. Ele conta com cerca de 120 lojas em 78 mil m², além de salas de cinema, academia e até um SPA. Há também um condomínio de alto padrão em anexo ao centro comercial.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.