Dois homens foram presos suspeitos de agredir morador de rua

Dois supostos skinheads foram detidos na noite deste sábado por suspeita de racismo no Anhangabaú, centro de São Paulo. De acordo com a Polícia Civil, a dupla xingou um morador de rua negro, de 22 anos. Os suspeitos também agrediram o jovem com um pedaço de pau e uma tornozeleira com espetos de ferro.

Ainda segundo a polícia, a vítima disse que enquanto apanhava, os agressores diziam que estavam batendo só porque ele é negro. O rapaz ficou com vários ferimentos na perna esquerda, mas não corre risco de morrer.

Um casal que viu a agressão chamou os guardas civis municipais que estavam na região. Os agentes perseguiram e prenderam os suspeitos. A dupla foi reconhecida pela vítima e pelo casal de testemunhas.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.