Suposta bomba em escola era um extintor de incêndio

Homens do Gate foram acionados e ruas interditadas na zona sul de São Paulo

iG São Paulo |

Policiais do Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate), da Polícia Militar, foram acionados na manhã desta sexta-feira devido a um suposto artefato explosivo encontrado dentro do estacionamento do Colégio Madre Cabrini, localizado na Vila Mariana, zona sul de São Paulo. O artefato, porém, era apenas um extintor de incêndio.

Com a suspeita, o cruzamento entre a Rua Madre Cabrini e Avenida Domingos de Morais foi interditado pela Companhia de Engenharia de Tráfego (CET). Alunos e professores foram impedidos de entrar na escola. Moradores da região também não conseguiram chegar a suas casas. A região foi liberada apenas por volta das 13h30, após quase duas horas de interdição.

Futura Press
Suspeita de bomba aciona Gate e escola é isolada

    Leia tudo sobre: suspeita de bombacolégioSão Paulo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG