São Paulo tem três manifestações nesta quarta-feira

Estudantes universitários bloquearam a rua da Consolação, no centro. No período da manhã, rodovia Anchieta e M'Boi Mirim também tiveram interdições

iG São Paulo |

AE
Alunos do Mackenzie bloqueiam Consolação em protesto contra a adesão do Enem como vestibular
A capital paulista já registrou três manifestações nesta manhã de quarta-feira. O último ato registrado foi realizado por estudantes da Universidade Presbiteriana Mackenzie. Durante o protesto, eles bloquearam por quase três horas a rua da Consolação, no centro de São Paulo. Três faixas foram ocupadas entre 11h05 e 13h45 por universitários que são contra a decisão da instituição de utilizar a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2011 como único processo seletivo.

Acompanhe o trânsito em São Paulo

No início da manhã, às 7h, cerca de 300 moradores de M'Boi Mirim, bairro da zona sul, protestaram por melhorias no transporte público. Aproximadamente uma hora depois, metalúrgicos do ABC iniciaram uma passeata nas ruas de São Bernardo do Campo e rodovia Anchieta pedindo a desoneração dos abonos e da Participação de Lucros e Resultados (PLR).

Transporte público

Na primeira manifestação do dia, a rua Túlio Mugnaini chegou a ser bloqueada. Assim como uma faixa da avenida Carlos Caldeira Filho, na altura da estrada de Itapecerica, sentido centro. Representantes das subprefeituras de M'Boi Mirim e Campo Limpo estavam no local.

Thales Stadler/ABCDIGIPRESS/AE
Metalúrgicos realizam ato na rodovia Anchieta e bloqueiam pistas marginais, na região do ABC

Os moradores da zona sul se reuniram no Terminal Ângela pedindo melhorias no transporte público. A PM explicou que a passeata aconteceu na avenida Comendador Santana e teve fim próximo à estação do metrô de Capão Redondo, localizado na estrada de Itapecerica da Serra.

Após quatro horas de reivindicações, por volta das 10h17, o subprefeito da cidade combinou uma reunião para rediscutir o assunto. A data da reunião não foi divulgada. Apesar da estimativa da PM apontar cerca de 300 pessoas durante a passeata, manifestantes apontavam que chegava a 1.500 pessoas.

Anchieta

Os manifestantes, trabalhadores da concessionária Mercedes-Benz e Ford, causaram bloqueios na rodovia Anchieta das 9h às 10h30. Segundo a Ecovias, responsável pela rodovia, os metalúrgicos entraram na rodovia pela avenida Taboão, altura do km 14, e percorreram do km 13 ao 16, sentido litoral. Faixas marginais da rodovia ficaram totalmente bloqueadas.

Filas de carros se formaram e o congestionamento no local chegou a 5 km, entre os kms 13 e 18. Ainda não há uma estimativa de quantas pessoas compareceram à manifestação, coordenada pelo Sindicato dos Metalúrgicos do ABC. A previsão do sindicato é que cerca de 20 mil trabalhadores participaram do ato. 

*com Agência Brasil e AE

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG