São Paulo sai do estado de atenção

Capital paulista ainda tem 3 pontos de alagamento nesta quinta-feira

iG São Paulo |

A chuva que atinge a região metropolitana de São Paulo nesta quinta-feira deixou as zonas norte, oeste, sul, sudeste, centro e as regiões das marginais Pinheiros e Tietê em estado de atenção até as 15h40, informou o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) da Prefeitura. Neste momento, há três pontos de alagamento transitáveis, na Marginal Tietê, na av. São João e na praça da Bandeira.

De acordo com a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), às 17h20, a cidade tinha 51 quilômetros de lentidão, índice dentro da média para o horário. Os pontos de maior lentidão estão na Marginal Tietê, sentido Ayrton Senna, pista expressa, da ponte Julio de Mesquita Neto até a rua Azurita (6,3 Km); no corredor Norte/Sul, sentido Aeroporto, da praça da Bandeira até o Complexo Viário João Jorge Saad (5,4 Km); na Ligação Leste-Oeste, sentido Penha, da rua Augusta até a avenida Alcântara Machado (2,8 Km); e na Marginal Tietê, sentido Ayrton Senna, pista local, da ponte Julio de Mesquita Neto até a ponte da Casa Verde (2,6 Km).

A CET acionou seu plano emergencial de atendimento às enchentes. Os agentes de trânsito em serviço foram deslocados para monitorar os principais corredores de trânsito e locais com maior possibilidade de alagamentos, como a Marginal Tietê, a Marginal Pinheiros, o Vale do Anhangabaú e os entornos dos rios Tamanduateí, Aricanduva, Ipiranga e Pirajussara.

Segundo o CGE, as instabilidades que atingiram a capital nesta tarde de quinta-feira perderam intensidade, restando apenas chuva fraca em boa parte das regiões. De acordo com imagens de radar, há pontos de chuva moderada apenas entre as zonas sul e leste, principalmente nos bairros de Ipiranga, Vila Prudente e São Mateus. Na Grande São Paulo, ainda há registro de precipitação forte em São Bernardo do Campo e Santo André. Às 15h, o aeroporto de Guarulhos registrou chuva com trovoadas, acompanhada de rajadas de vento de 45 km/h.

Conforme previsão do CGE, a tendência é de que as áreas de chuva que ainda atingem a Grande São Paulo se desloquem para as cidades da baixada santista. Por conta da formação de muitas áreas de instabilidade que se deslocam pelo interior paulista, ainda há potencial para chuvas em toda a faixa leste do Estado, região em que se encontra a Capital.

Nesta sexta-feira pouca coisa deve mudar nas condições atmosféricas. O risco de temporais permanece e as chuvas podem ocorrer um pouco mais cedo, logo nas primeiras horas da tarde. As simulações indicam a diminuição no volume de chuvas no sábado, devendo ocorrer apenas chuvas rápidas e isoladas. No domingo, as pancadas com maior intensidade voltam a ocorrer à tarde, mas serão bem isoladas. As temperaturas se mantém agradáveis durante as madrugadas e giram em torno dos 22ºC. Durante as tardes o tempo fica abafado, com períodos de sol e temperaturas muito próximas dos 30ºC. 

Maiores índices pluviométricos registrados até as 15h40:

Cabuçu de Baixo (Guaraú) - 13,8mm
Rudge Ramos (São Bernardo do Campo) - 11,3mm
CGE (Consolação) - 11,2mm
Ribeirão dos Couros (Piraporinha / Diadema) - 8,5mm
Córrego Ipiranga - 8,2mm
Vila Mariana - 7,4mm
Rio Tamanduateí (Vd. Pacheco Chaves) - 6,8mm
Ribeirão dos Couros (Ford / São bernardo do Campo) - 6,6mm
Limão - 6,0mm
Rio Tietê (Belenzinho) - 5,6mm
Anhembi - 5,2mm

    Leia tudo sobre: chuvaestado de atençãosão paulo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG