São Paulo fica em alerta devido à baixa umidade do ar

Cidade registrava 18% de umidade do ar na região do Campo de Marte, na zona norte de São Paulo, às 15h

AE |

selo

A capital paulista entrou mais uma vez em estado de alerta na tarde desta quarta-feira em consequência do baixo índice de umidade relativa do ar. Segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), às 15h a cidade registrava 18% de umidade do ar na região do Campo de Marte, na zona norte de São Paulo, e de 19% na região do aeroporto de Congonhas, na zona sul.

Futura Press
Vista de São Bernardo do Campo (Grande São Paulo) na manhã desta quarta-feira
Segundo o CGE, as temperaturas continuam oscilando em torno dos 30ºC e apenas com o entardecer começam a entrar em declínio. A combinação ar seco e a grande estabilidade atmosférica favorece a concentração dos poluentes próximos à superfície, bem como o elevado risco de incêndios/queimadas. 

Entre a noite da quarta-feira e a manhã da quinta-feira (18), a passagem de uma fraca frente fria pelo oceano ao largo do litoral paulista, muda a direção dos ventos e favorece a entrada da circulação marítima, o que contribui para o aumento gradual da umidade relativa do ar.

Por conta disso, a quinta-feira (18) terá o predomínio de céu nublado e temperaturas oscilando entre a mínima de 15ºC e a máxima de 27ºC. Não há previsão de chuva. Na sexta-feira (19), o vento sopra do quadrante norte, o que novamente traz ar mais quente e seco do interior do continente. O sol volta a aparecer com força e faz calor de 30ºC com baixa umidade do ar. No decorrer do dia, a aproximação de uma frente fria favorece a ocorrência de rajadas de vento com moderada a forte intensidade. Não há expectativa de chuva.

Fim do tempo seco

Outras regiões do Brasil também devem ter uma tregua no tempo seco no final de semana . Uma intensa frente fria que chega pelo sudeste do Brasil a partir de sexta-feira causa queda de temperatura em Estados da região Sul, principalmente em São Paulo, no sul do Rio de Janeiro e no Mato Grosso do Sul, de acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet).

    Leia tudo sobre: tempo secofrente fria

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG