Sabesp reduz vazão da represa Paiva Castro, em São Paulo

Vazão havia alcançado 80 metros cúbicos por segundo, provocando inundação no município de Franco da Rocha na última terça-feira

AE |

selo

A Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) informou, em nota, que reduziu às 16h de hoje a vazão da represa Paiva Castro, pertencente ao Sistema Cantareira, para 5 metros cúbicos por segundo. A vazão havia alcançado 80 metros cúbicos por segundo, provocando inundação no município de Franco da Rocha na última terça-feira.

Segundo a nota da Sabesp, a represa continua retendo maior volume de água do que liberando: 8 metros cúbicos por segundo, cumprindo o papel no controle das cheias. A represa Jaguari-Jacarei, que também pertence ao Sistema Cantareira, segue com vazão de 40 metros cúbicos por segundo e está retendo volume bem maior: 160 metros cúbicos por segundo. Os rios Juqueri e Jaguari continuam sendo monitorados pela empresa.

    Leia tudo sobre: paiva castrofranco da rochaenchente

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG