Sabesp aumenta vazão da represa Jaguari, em São Paulo

Medida foi tomada em razão do volume de chuvas na bacia da represa

AE |

selo

A Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) aumentou, desde as 7 horas desta manhã, a vazão da represa Jaguari-Jacareí, em Vargem, no interior de São Paulo, divisa com Minas Gerais. Em razão do volume de chuvas na bacia da represa, a vazão descarregada no rio Jaguari passará de 60 metros cúbicos por segundo para 80 metros cúbicos por segundo. A Sabesp informou que a "manobra é necessária para permitir que a represa Jaguari continue tendo capacidade de reter a ocorrência de chuvas intensas".

A decisão foi tomada após análise com os reguladores do Departamento de Água e Energia Elétrica (DAEE) e Agência Nacional de Águas (ANA). Segundo a empresa, as prefeituras de Amparo, Pedreira, Jaguariúna e Bragança Paulista foram comunicadas com 12 horas de antecedência.

No caso da represa Paiva Castro, próximo ao município de Franco da Rocha, na Grande São Paulo, a Sabesp informou que vazão foi reduzida de 5 metros cúbicos por segundo para 2 metros cúbicos por segundo. A Paiva Castro já atingiu o seu nível operacional normal, de 47% de sua capacidade.

    Leia tudo sobre: chuvavazãorepresasão paulo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG