Restrição a caminhões começa a valer nesta segunda em São Paulo

Prefeitura ampla proibição do tráfego com zonas de restrição nos horários de pico da manhã e da tarde; multas serão aplicadas em janeiro

iG São Paulo |

Começa a valer a partir de hoje a nova regulamentação para o trânsito de caminhões na Marginal Tietê e outras vias do município de São Paulo. Caminhões são agora proibidos de transitar entre 4h e 10h e entre 16h e 22h de segunda a sexta-feira e, aos sábados, das 10h às 14h, exceto feriados. A ação tem caráter educativo e multas só serão aplicadas a partir de janeiro de 2012.

Fique atento: Aumenta restrição a caminhões nas marginais Tietê e Pinheiros

Segundo a Companhia de Engenharia e Tráfego (CET), nos próximos dias serão divulgadas outras vias das zonas norte, sul e leste que também terão novas restrições. O objetivo do órgão de trânsito é melhorar a fluidez do tráfego.

Como nesta primeira fase da operação não serão aplicadas multas, os agentes da CET vão orientar os motoristas sobre as novas medidas de restrição, que serão futuramente fiscalizadas por radares fixos com leitores automáticos de placas. A multa é de R$ 85,13, infração média, com acréscimo de quatro pontos na CNH.

AE
Restrição pode aumentar em 20% a velocidade média dos veículos. Na foto, Marginal Tietê

Alguns veículos são isentos da restrição. Segundo a CET, os Veículos Urbanos de Carga (VUCs), caminhões de até 6,3 metros de comprimento, caminhões de urgência, socorro mecânico de emergência, cobertura jornalística, obras e serviços de emergência, Correios e sinalização de trânsito emergencial estão liberados.

Das 4h às 10h, os veículos de concretagem e concretagem-bomba, remoção de terra em obras civis, feiras livres, mudanças, coleta de lixo e de transporte de produtos alimentícios perecíveis também estão liberados da restrição. Das 16h às 20h, somente os de transporte de valores são permitidos.

Conheça as vias que fazem parte da zona de restrição:

Na Marginal Tietê, a proibição afeta todas as vias que dão acesso: no sentido Castello, a restrição ocorre nas pistas local, central e expressa no trecho entre a ponte Aricanduva e a av. Raimundo Pereira de Magalhães; já no sentido Ayrton Senna, a proibição afeta todas as pistas entre a rua Fortunato Ferraz e a ponte Aricanduva. Há exceção na pista local sob a ponte do Tatuapé, no trecho entre as alças para a av. Salim Farah Maluf. Na pista expressa, a proibição acontece entre o km 0 e a ponte Aricanduva.

Além da marginal, os caminhões estarão proibidos de circular nas avenidas General Edgar Facó (em ambos os sentidos entre a rua da Balsa e a ponte do Piqueri), Ermano Marchetti (no sentido centro, entre a ponte do Piqueri e a praça Dr. Pedro Corazza); no sentido Lapa, entre as praças Dr. Pedro Corazza e Jácomo Zanella), Marquês de S. Vicente em toda a sua extensão, toda a rua Norma Pieruccini Giannotti em ambos os sentidos, toda a rua Sérgio Tomás e av. Castello Branco (entre a rua Sérgio Tomás e a av. do Estado).

Ceagesp, Mercadão e Zona Cerealista

A CET informa que o acesso e a abastecimento do Ceagesp, Mercadão e Zona Cerealista não são afetados. Para chegar ao Ceagesp, os motoristas serão liberados nas marginais Tietê e Pinheiros entre a rodovia dos Bandeirantes e a ponte do Jaguaré, incluindo o Cebolão. Da mesma forma, a região do Mercadão e da Zona Cerealista terão seus acessos preservados pela av. Cruzeiro de Sul e rua da Cantareira.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG