PT diz que linha 7 da CPTM perdeu R$ 183 mi do orçamento

De acordo com o partido, a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos pediu um investimento de R$ 284 milhões, mas o Governo forneceu apenas R$ 101 milhões

iG São Paulo |

WERTHER SANTANA/AGÊNCIA ESTADO/AE
Polícia Militar foi acionada para conter os manifestantes na estação da CPTM, após pane
Após a pane desta quinta-feira na linha 7-Rubi da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) , deputados estaduais do PT protocolaram uma representação no Ministério Público Estadual para a abertura de um inquérito que apure as irregularidades na prestação de serviço da Companhia.

Os deputados também pedem a investigação das responsabilidades dos gestores públicos nos acidentes e panes. O partido alega que houve corte de R$ 183 milhões no orçamento da linha 7.

A representação, assinada por Alencar Santana, líder da Bancada do PT na Assembleia Legislativa de São Paulo, solicita a realização de uma para verificar as inadequações e providências necessárias.

O documento também pede que seja apurada se a falta de investimentos por parte do governo do Estado para a ampliação dos serviços foi a causa da superlotação e das constantes falhas.

Situação: Oito horas depois, linha da CPTM em São Paulo é normalizada

Pane: Passageiros abandonam trem após falha elétrica na linha da CPTM, em São Paulo

Confusão: Após falha elétrica, passageiros depredam estação da CPTM

De acordo com o PT, documentos da CPTM enviados à Assembleia Legislativa apontam que a proposta orçamentária de 2012, elaborada pela Companhia e apresentada ao do Governo, pediam investimentos de R$ 1,75 bilhão no setor.

No entanto, o governo teria definido, segundo o PT, que o valor destinado seria R$ 1,05 bilhão, ou seja, fazendo um corte de R$ 700 milhões em sua proposta orçamentária.

Para a linha 7 especificamente a CPTM afirmou ter a necessidade de receber R$ 284 milhões, mas o valor definido pelo governo foi de R$ 101 milhões, ou seja, uma redução de 64% do orçamento no investimentos na linha.

Assinam a representação, o líder da Minoria Donisete Braga e os deputados petistas: Ana Perugini, Antonio Mentor, Gerson Bittencourt, José Zico Prado e Luiz Moura.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG