A denúncia do abuso foi feita pela mulher do acusado. Ele foi indiciado por coação no curso do processo e violência doméstica

selo

Um homem de 39 anos que dirigia um orfanato foi preso na manhã de ontem no bairro do Mandaqui, zona norte de São Paulo. Ele estava sendo investigado pelo abuso de internos, incluindo alguns de seus filhos adotivos, e foi preso ao tentar impedir que alguns deles prestassem depoimento na delegacia.

A denúncia do abuso foi feita pela mulher do acusado na segunda-feira, 14. O delegado responsável pelo inquérito ouviu na terça-feira quatro vítimas que confirmaram as denúncias e ontem outros depoimentos deveriam ser ouvidos.

Porém, quando o diretor soube da investigação, tentou impedir a mulher de sair do local com as crianças, agredindo-a e causando várias lesões corporais. O diretor foi preso em flagrante e indiciado por coação no curso do processo e violência doméstica.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.