Prefeitura promete abrir até março 10 abrigos para dependentes de crack

Residências terapêuticas servirão como moradia para dependentes no fim do tratamento. Ministério da Saúde liberou R$ 6,4 milhões para ação na Cracolândia

iG São Paulo |

A Prefeitura de São Paulo promete abrir até março dez abrigos, com cem vagas no total, para dependentes de crack. As residências terapêuticas servirão como moradia para dependentes no fim do tratamento. O Ministério da Saúde começou na quarta-feira (18) a liberar a verba mensal, acordada em dezembro, do Plano Nacional de Combate à Droga. Serão R$ 6,4 milhões neste ano, segundo o ministro Alexandre Padilha. O dinheiro será usado na expansão das vagas.

Contra a lei: GCM orienta prisão de usuários na Cracolândia

Emparedamento: Prefeitura paga Bolsa Aluguel a pensão interditada na Cracolândia

Os Centros de Atenção Psicossocial (CAPs) para dependentes de álcool e drogas serão monitorados. Nas regiões com mais demanda, a Prefeitura terá de usar o dinheiro para garantir funcionamento ininterrupto. O investimento federal vai bancar também 16 equipes de saúde que buscam dependentes nas ruas.

Confira a cobertura do iG e as últimas imagens dos usuários que vivem nas ruas da Cracolândia:

Na quarta-feira, durante todo o dia, funcionários da prefeitura trabalharam na demolição de seis casarões abandonados na região da Cracolândia. Os imóveis, que estão localizados no quateirão das ruas Dino Bueno e Helvétia, serviam de abrigo para os usuários de drogas. Cerca de 250 homens participam dos trabalhos de demolição. Desde o último dia 3, a região tem recebido intervenções da Polícia Militar.

Em balanço divulgado pela Polícia Militar sobre o combate de tráfico na região, até ontem, mais de 10 mil pedras de crack foram apreendidas, 114 pessoas foram presas (43 condenados capturados) durante as 6.242 abordagens policiais. Outras drogas foram apreendidas como cocaína (15 kg) e maconha (43 kg).

*com AE

    Leia tudo sobre: cracolândiacrackdrogastráficocentro legal

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG