Prefeitura de São Paulo usará motos para prevenir enchentes

Motos vão circular pela cidade com câmeras de transmissão online e com as imagens as subprefeituras serão acionadas para orientar a população e desobstruir ruas

AE |

selo

O prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, apresentou na manhã desta segunda-feira novos equipamentos para prevenir problemas com enchentes na cidade. A cidade terá o sistema de monitoramento com motolinks, caminhões-bomba com potência elevada e bombas de água móveis.

Leia também: Sumaré decreta estado de emergência após chuvas do fim de semana

O sistema de monitoramento com motolinks é a mais nova ferramenta da Prefeitura. Interligadas à Central de Zeladoria, três motos circularão por toda a cidade equipadas com câmeras de transmissão online. A partir das imagens, as equipes das subprefeituras serão acionadas imediatamente para a desobstrução de vias e orientação da população.

O caminhão-bomba, construído com tecnologia italiana, possui sistema hidrojato-sugador, câmeras que permitem avaliar a obstrução e uma técnica que reutiliza a água presente na própria galeria para desentupir o local. Após terminar o serviço, a máquina recicla a água e pode utilizá-la novamente em jato de limpeza.

Já as bombas móveis têm tecnologia holandesa e serão utilizadas em casos de gerenciamento de enchentes, ou seja, em alagamentos de ruas, avenidas e túneis. O uso pode ser automático ou manual, o que garante o funcionamento mesmo em caso de falta de energia elétrica.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG