Porteiro é suspeito de arrastar cadela com motocicleta em São Paulo

Homem disse que amarrou animal pelo pescoço para retira-lo de condomínio. Animal sofreu várias escoriações pelo corpo

AE |

selo

Uma cadela com a corda no pescoço foi arrastada por uma moto, dentro de um condomínio de luxo em Araçatuba, no interior de São Paulo. De acordo com informações do boletim de ocorrência registrado pela polícia, o animal foi retirado pelo porteiro do condomínio Delta Park, nesta quinta-feira, após ser acionado por um dos moradores. 

Leia também: Polícia fecha canil por maus tratos no interior de São Paulo

Segundo a polícia, a cachorra entrou em uma das casas do condomínio, que não permite animais. A dona da residência chamou o porteiro e entregou a ele uma corda para que o funcionário retirasse o animal. De acordo com o porteiro, a cachorra é mansa e foi até ele assim que ele a chamou. Ele amarrou a corda no pescoço do animal e na moto, e seguiu para a saída do condomínio. Segundo ele, a velocidade era baixa, 'para não enforcar a cadela'. Em depoimento, o porteiro disse que foi orientado a retirar todo animal que invada o condomínio. 

Uma testemunha acionou a polícia, que também viu o porteiro arrastando o animal pelo asfalto. A cachorra estava com várias lesões pelo corpo, principalmente nas patas, e foi levada para o hospital veterinário da Faculdade de Medicina Veterinária da Universidade Estadual Paulista (Unesp). O porteiro foi encaminhado à delegacia, mas não foi preso. As câmeras de segurança do condomínio serão entregues à polícia.

    Leia tudo sobre: porteirocadelaAraçatuba

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG