Policiais que recebiam propina são presos em SP

Eles são acusados de receber propina para passar informações sobre as operações de combate a produtos contrabandeados em Sorocaba

AE |

selo

Dois policiais militares foram presos no final de semana em Sorocaba, a 92 km de São Paulo, acusados de receber propina para passar informações privilegiadas sobre as operações de combate a produtos contrabandeados na cidade.

De acordo com o comandante do 7º Batalhão da Polícia Militar, coronel Vitor Gusmão, os PMs, um soldado e um cabo, supostamente recebiam pagamentos periódicos para manter alguns comerciantes informados sobre as ações de repressão ao contrabando. As operações eram planejadas e executadas de forma conjunta pela PM e prefeitura, através da Guarda Civil Municipal.

Segundo o coronel, as operações especiais são preparadas e comunicadas à tropa minutos antes do início para evitar vazamento, mas as rotineiras são comunicadas na véspera. Os policiais receberam voz de prisão quando estavam nas imediações do Mercado Municipal. Na revista à viatura, foi encontrado um envelope com R$ 200, que seria um dos pagamentos recebidos.

Os policiais negaram a posse do envelope, alegando que alguém teria jogado o dinheiro no interior da viatura. Os acusados foram levados para o Presídio Romão Gomes, na capital. A denúncia está sendo apurada pelo setor de Justiça e Disciplina do batalhão de Sorocaba.

    Leia tudo sobre: policiais presospropinasorocaba

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG