Policiais matam três suspeitos em ocorrências em São Paulo

Roubo a carro e duas tentativas de assalto deixam mortos na capital e na Grande SP. Em Embu, policial à paisana matou assaltante

AE |

selo

Um roubo a carro e uma tentativa de assalto a uma farmácia, ocorridos na noite de segunda-feira (25) deixaram dois bandidos mortos por policiais, um em cada crime. Ambos os casos aconteceram por volta de 21h30, o primeiro na Vila Nova Alba, zona oeste da capital, e o segundo no Campo Belo, na zona sul. Em Embu das Artes, na Grande São Paulo, um policial à paisana matou um assaltante e feriu outro. 

Policiais militares da Rondas Ostensivas Tobias Aguiar (Rota) receberam a informação que um veículo Peugeot prata havia sido roubado na período da tarde, do mesmo dia, no bairro Vila Nova Alba. Em patrulhamento pela região, encontraram o automóvel e passaram a segui-lo. 

Na Rua Salvador Nascimento, uma segunda viatura da Rota, que seguia no sentido contrário, avistou o veículo. O sargento Paulo Montalvão contou que "os ocupantes do Peugeot desceram do veículo, correram e atiraram contra os policiais. Houve tiroteio, quando então um dos fugitivos acabou atingido". Socorrido ao Hospital Universitário, com três tiros, o suspeito acabou morrendo. 

Os outros dois entraram em um beco no final da rua, que dá acesso à Favela 1010, e escaparam. Uma submetralhadora 9 mm teria sido encontrada com o homem morto, que ainda não foi identificado. O caso foi registrado no 91º Distrito Policial. 

No assalto ocorrido em uma farmácia na Avenida Professor Vicente Rao, um homem rendeu, com uma arma de brinquedo escondida embaixo da blusa, o vigia da drogaria e anunciou o assalto. O carcereiro do 99º Distrito Policial, Rafael Vicentini Nogueira, de 27 anos, que acompanhava a irmã grávida dentro da farmácia, teria sacado uma pistola calibre .40 e dado voz de prisão.

O ladrão supostamente tirou a arma de dentro da blusa, quando então foi baleado por Rafael. Encaminhado ao Hospital São Paulo com cinco tiros, não resistiu aos ferimentos e morreu.

Embu das Artes

O policial militar Tiago Rodrigues de Oliveira, que estava de folga e à paisana, matou um assaltante e feriu outro ao ser abordado, por volta das 23h45 de segunda, na altura do nº 235 da Rua Alta Floresta, no Jardim São Francisco, em Embu das Artes, na Grande São Paulo. 

Alan Gomes de Souza continua internado no pronto-socorro Pirajuçara; Alex Leal Dias morreu quando era atendido na mesma unidade. O caso foi registrado no 1º Distrito Policial de Embu das Artes. Todos os três casos serão investigados pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), que assume toda ocorrência de resistência seguida de morte envolvendo policiais.

    Leia tudo sobre: políciaresistência seguida de morterota

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG