Dois castiçais e um oratório também foram recuperados

selo

Sete sinos, além de um oratório e dois castiçais que haviam sido roubados de igrejas e capelas da zona rural de Taubaté, Redenção da Serra e São Luiz do Paraitinga, todas em São Paulo, foram recuperados e apresentados na terça-feira pela Polícia Civil.

Os roubos ocorreram entre novembro e dezembro deste ano e outro sino, roubado da matriz de Santo Antonio do Pinhal, já havia sido devolvido por um ladrão arrependido, na semana passada. Dois antiquários, segundo o delegado seccional Ivahir de Freitas Garcia Filho, são investigados como receptadores dos objetos.

Num deles, localizado na estrada que liga Taubaté a Tremembé, foram encontrados três sinos que teriam sido recebidos em consignação. Os demais foram comprados por outro antiquário, localizado na Rodovia Floriano Rodrigues Pinheiro.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.