Crianças de cinco anos foram encontradas mortas dentro de uma piscina em um condomínio na cidade de Sorocaba

selo

A Polícia Civil de Sorocaba (SP) abriu inquérito nesta segunda-feira para apurar as circunstâncias da morte dos gêmeos Fernando José Bento e Fernanda Roberta Bento, de cinco anos, que se afogaram na piscina de um condomínio na cidade, no início da noite do último sábado. 

As crianças estavam em processo de adoção pela família de um comerciante de 49 anos. Ele e sua mulher detinham a guarda provisória dos gêmeos desde o dia 29 de abril. No sábado, as crianças foram vistas pela última vez brincando no quintal de casa, no Reserva Fazenda Imperial, um condomínio fechado de alto padrão. 

Quando a mulher do comerciante deu pela falta das crianças, pediu ajuda ao serviço de segurança do condomínio para localizá-las. Os gêmeos foram encontrados submersos na piscina de uma casa vizinha, que estava em construção. A piscina, inacabada, tinha acumulado água da chuva dos últimos dias. 

As crianças ainda foram levadas pelo serviço de resgate do Corpo de Bombeiros para o Hospital Regional, mas já estavam mortas. Os corpos foram sepultados neste domingo, no Cemitério da Saudade, em São Paulo. De acordo com a Polícia Civil, o inquérito vai apurar se houve alguma omissão na guarda das crianças ou na proteção da piscina em obras.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.