PMs presos após invadirem agência bancária em SP

Policiais apreenderam pé-de-cabra, furadeira, broca e explosivo artesanal. Terceiro envolvido tentou "avisar" os amigos por SMS

iG São Paulo |

Dois policiais militares do 3º Batalhão, um deles do posto que fica próximo à estação São Judas do Metrô e outro das Rondas Ostensivas com Auxílio de Motocicleta (Rocam), foram presos, em flagrante, por volta das 3 horas desta madrugada de sábado, ao invadirem uma agência do Banco do Brasil localizada na altura do nº 485 da avenida Engenheiro Armando de Arruda Pereira, na região do Jabaquara, zona sul de São Paulo. Os soldados foram autuados em flagrante e já foram encaminhados para o presídio Romão Gomes.

No momento em que foram detidos por agentes do Grupo de Operações Especiais (GOE), da Polícia Civil, os soldados Marcelo Gomes Hiar e Emerson Aparecido Teixeira tentavam se esconder na copa da agência. O companheiro da dupla, o soldado Adriano Antônio de Novaes também foi preso. Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP), no celular dele havia uma mensagem de texto alertando os companheiros sobre a chegada dos políciais civis.

Com os presos, os policiais apreenderam um pé-de-cabra, uma furadeira, broca e um artefato explosivo artesanal feito com tubos de PVC e possivelmente pólvora, material que seria utilizado para arrombar um dos caixas eletrônicos.

Segundo os policiais civis, a dupla entrou na agência pelo portão lateral, que estava aberto quando o GOE chegou ao local, e foi diretamente para os fundos, onde encobriu uma câmera de monitoramento externo com um pedaço de pano escuro. Um funcionário da empresa de segurança patrimonial que presta serviço para o banco, da central de monitoramento, notou algo de errado e acionou tanto a Polícia Civil como a Militar.

Uma viatura da PM foi até o local e, após uma rápida inspeção, não teria notado nada de errado e prosseguiu com o patrulhamento de rotina. Agentes do GOE então resolveram apurar melhor o que ocorria e detiveram os dois soldados dentro da copa.

Um carro com uma pistola ponto 40, estacionado próximo à agência, também foi apreendido. Um dos policiais militares detidos, segundo o GOE, estava com colete balístico e outra pistola ponto 40.

Supermercado

Uma quadrilha tentou arrombar, sem sucesso, por volta da 0h30 deste sábado, um caixa eletrônico da rede Banco 24 Horas instalado no interior do supermercado Dia, localizado na altura do nº 1.170 da Estrada Turística do Jaraguá, zona norte da capital paulista.

O estabelecimento já fechava quando funcionários eram rendidos e colocados nos fundos do supermercado. A explosão ocorrida no caixa não foi forte o suficiente para que os seis bandidos tivessem acesso ao cofre. O grupo fugiu sem levar nada. Policiais militares foram acionados, mas não chegaram a tempo de deter os suspeitos. O caso foi registrado no 46º Distrito Policial, de Perus.

*com AE

    Leia tudo sobre: caixa eletrônicoassaltoquadrilha

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG