PM reforça patrulhamento no Shopping Cidade Jardim

Viaturas ficarão estacionadas em pontos estratégicos após reunião feita entre a PM e a administração do shopping

AE |

A partir desta quarta-feira, duas viaturas da PM, que faziam patrulhamento próximo das pontes do Morumbi, serão deslocadas para os arredores da Avenida Magalhães de Castro, que dá acesso ao Shopping Cidade Jardim, na zona sul de São Paulo. A decisão foi tomada após reunião com a administração do shopping com a Polícia Militar realizada na terça-feira.

Ao longo do dia, as viaturas ficarão estacionadas em pontos de acesso, como a área próxima do estacionamento, por onde os ladrões entraram na segunda-feira. O objetivo é "aumentar a sensação de segurança", segundo a corporação. Outra medida é o deslocamento de viaturas da Força Tática do 16.º Batalhão da PM, responsável pelo policiamento na área, que a partir de hoje devem circular em ruas próximas do Cidade Jardim e também realizar bloqueio. O reforço ficará na área por tempo indeterminado, segundo a Polícia Militar.

Restrição de acesso

Em nota, o Shopping Cidade Jardim também afirmou que "está definindo a adoção de medidas mais restritivas de controles de acesso", sem especificar quais são, "por razões de segurança". Algumas possibilidades são a construção de guaritas externas e instalação de portas giratórias nos acessos às joalherias - como ocorre em grandes lojas de grifes em centros de compras internacionais. Na nota, a administração do shopping afirma também que, após o primeiro assalto, à joalheria Tiffany, em 16 de maio, contratou 50 homens para reforçar a segurança.

Segundo o shopping, 16 homens faziam ontem a segurança na área externa do empreendimento, por onde os bandidos entraram para roubar a loja especializada em relógios da marca Rolex. Desde o crime, lojistas reclamam de queda do movimento em plena aproximação do Dia dos Namorados.

    Leia tudo sobre: Shopping Cidade JardimrouboPolícia Militar

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG