Pimenta Neves chega à penitenciária de Tremembé

Jornalista e réu confesso pela morte de Sandra Gomide cumprirá pena por homicídio em presídio no interior de São Paulo

Carolina Garcia, iG São Paulo |

O jornalista Antonio Marcos Pimenta Neves, de 74 anos, chegou na tarde desta quarta-feira à penitenciária Dr. José Augusto Salgado - Tremembé 2, no interior de São Paulo, onde cumprirá pena pelo assassinato da ex-namorada Sandra Gomide. Nesta manhã, o jornalista deixou o  2º Distrito Policial , no Bom Retiro, região central da capital paulista, onde passou a noite, e fez exames no Instituto Médico-Legal (IML), na região da Vila Leopoldina, zona oeste de São Paulo.
AE
Pimenta Neves deixa o 2º Distrito Policial em São Paulo no início da tarde desta quarta-feira

Pimenta Neves foi preso na noite de terça-feira em sua casa, no bairro de Santo Amaro, zona sul de São Paulo. Após um acordo, três delegados entraram na residência e negociaram sua saída. Ele foi condenado, em 2006, a 15 anos de prisão pelo assassinato de sua ex-namorada e também jornalista Sandra Gomide, morta em 2000. O Supremo Tribunal Federal (STF) determinou terça-feira (24) que ele cumprisse a pena em regime fechado.

Assassino confesso, Pimenta deve cumprir 1/6 da pena. Após esse período, todo condenado tem direito de requerer à Justiça a progressão da pena para o regime semiaberto. Como ele já ficou quase 7 meses preso, restam 2 anos de prisão para ter direito ao benefício.

Penas

Em maio de 2006, Pimenta Neves foi condenado a 19 anos e dois meses de prisão no Tribunal do Júri. Como o réu confessou o crime, a defesa recorreu e a pena foi reduzida para 18 anos de prisão. Depois de ter a prisão decretada, o jornalista conseguiu habeas corpus e aguardava o trânsito em julgado da sentença condenatória em liberdade.

Em setembro de 2008, o STJ analisou recurso contra a decisão que o condenou e decidiu que Pimenta Neves deveria cumprir pena de 15 anos de prisão. Além disso, o jornalista foi condenado a pagar uma indenização superior a R$ 400 mil aos pais da jornalista Sandra Gomide.

Caso

Em 20 de agosto do ano passado, o assassinato de Sandra Gomide completou 10 anos . Pimenta Neves deu dois tiros na ex-namorada, pelas costas. Sandra conheceu o jornalista, 30 anos mais velho, em 1996. Ao fim do relacionamento, ele não se conformou e passou a vigiá-la e a mandar mensagens com ameaças.

    Leia tudo sobre: pimenta nevesprisãosandra gomide

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG