Perseguição deixa dois PMs feridos e fecha rodovia em SP

Policiais militares foram baleados durante troca de tiros com homens que estavam em carro roubado na rodovia Ayrton Senna

AE |

selo

AE
Imagem mostra estrago causado por tiros que feriram dois policiais
A Rodovia Raposo Tavares ficou totalmente interditada, na manhã desta terça-feira, na altura de Cotia, na região metropolitana de São Paulo, por conta de uma perseguição policial que deixou dois militares feridos.

Segundo a PM, a perseguição a um carro roubado começou por volta das 9h, quando os policiais foram abordar o veículo. Houve troca de tiros e dois policiais foram baleados. Não há informação sobre o estado de saúde deles.

 Os criminosos conseguiram fugir para a Rodovia Raposo Tavares, que foi interditada pela Polícia Rodoviária Estadual (PRE), na altura do quilômetro 17, no sentido São Paulo. Os suspeitos abandonaram o veículo e fugiram para a mata.

Uma equipe do helicóptero Águia, da PM, foi ao local para ajudar nas buscas aos criminosos. Equipes da polícia militar de Cotia, Osasco e Carapicuíba apoiaram a ação. Ainda não háa informações se os assaltantes foram presos.

Por conta da interdição, o congestionamento chegou a 4km, segundo a PRE. A via foi liberada e, por volta das 12h40, o trânsito fluia normalmente. O caso foi registrado no 75º Distrito Policial (DP).

Acompanhe o trânsito em SP, Rio e Belo Horizonte

    Leia tudo sobre: perseguiçãoraposo tavarespoliciais

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG